Associação Brasileira de Tecnologia Gráfica – ABTG. Fundada em 04 de julho de 1959 é a entidade técnica do setor gráfico orientada ao desenvolvimento e à difusão da tecnologia gráfica. Declarada de utilidade pública é também uma OSCIP – Organização da Sociedade Civil de Interesse Público. Seus principais objetivos são: difundir informação técnica, incentivar a pesquisa, introduzir e disseminar tendências e tecnologias no segmento gráfico nacional.

Devido ao credenciamento junto à Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT também é uma entidade normalizadora, administrando e coordenando o primeiro Organismo de Normalização Setorial (ONS 27) do Brasil, que elabora projetos de norma na área de tecnologia gráfica. É membro atuante no Comitê Técnico Internacional de Normalização em Tecnologia Gráfica (TC 130) na ISO – International Organization for Standardization.

Entre os serviços oferecidos aos seus associados – ou por meio de parcerias com outras instituições setoriais – está uma ampla gama de consultorias técnicas com especialistas altamente gabaritados em customizar as necessidades das empresas e oferecer treinamentos e soluções de capacitação profissional em processos produtivos ou nas áreas de gestão, administração e certificações.

Nos serviços de consultoria estão englobados os treinamentos e os cursos especializados para preparação e implantação de processos normativos, especialmente, sobre aplicações de requisitos das normas técnicas, adequações às certificações ambientais ou legislações vigentes.
A Associação desenvolve pareceres técnicos de adequação e avaliação de produtos, processos e Sistemas de Gestão para a indústria gráfica, bem como, para atendimento e enquadramento sindicais, de capacidade produtiva, de segurança e sigilo, deficiências técnicas entre outros.

Os clientes desta indústria e os fornecedores de equipamentos e insumos gráficos utilizam os serviços da entidade para estabelecer processos de homologação de tecnologias, de procedimentos produtivos, de gestão da qualidade e de avaliação de produtos acabados, além de auditorias de terceira parte para processos licitatórios na aquisição de materiais, insumos e serviços.

Nas atividades de capacitação de mão de obra para o setor gráfico existe um amplo calendário de palestras, seminários, cursos de curta e média duração, workshops técnicos e, realizado anualmente, um Congresso Internacional de Tecnologia Gráfica com a participação de especialistas de diferentes segmentos da indústria e reconhecidas entidades técnicas no mundo.

Há oito edições consecutivas a ABTG, em parceria com o Instituto de Criminalística e com a Polícia Científica do Estado de São Paulo, também realiza o Seminário Técnico sobre Crimes e Segurança da Informação Impressa e Digital, com objetivo de oferecer o intercâmbio de informações e conhecimentos técnicos que contribuem para a identificação e para mitigação de ações criminosas de adulteração, falsificação e tentativas do uso indevido de elementos de segurança em sistemas digitais ou de materiais impressos de segurança. Nesses eventos participam técnicos e pesquisadores de organizações como a Polícia Federal do Brasil, da Casa da Moeda do Brasil e da Imprensa Nacional – Casa da Moeda de Portugal.

Com o objetivo de estimular a qualidade, em 1991 foi criado o Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica, reconhecido como o mais importante do setor no Brasil. Contemplando todos os segmentos da Indústria Gráfica, nele concorrem impressos produzidos em todo o país (com participação de 18 Estados da Federação) que passam pelo crivo de uma comissão julgadora formada por mais de 120 profissionais com reconhecido gabarito técnico, projetando a Indústria Gráfica Brasileira no cenário internacional.

A entidade coordena ainda prêmios regionais, atividade que realiza desde 2003, sendo detentora da metodologia para desenvolvimento e organização das etapas técnicas com o objetivo de premiar a qualidade dos produtos e reconhecer as empresas que desenvolvem trabalhos de alto nível técnico.

Em seu quadro associativo encontram-se técnicos gráficos, consultores, gráficas, editoras, clientes e fornecedores da indústria de impressão e da comunicação gráfica. É reconhecida como uma organização preparada para atender o mais alto grau de complexidade técnica, especialidade e relevância perante situações, fatores e adversidades que possam afetar a execução de serviços e produção de trabalhos oriundos da indústria de impressão e da comunicação gráfica.